A TABERNA JAPONESA DO CAMPO DE OURIQUE ONDE A GRELHA TAMBÉM BRILHA

A TABERNA JAPONESA DO CAMPO DE OURIQUE ONDE A GRELHA TAMBÉM BRILHA

Em japonês, Hikidashi quer dizer gaveta mas também ‘coisas no fogo’. Conheça esse restaurante surpreendente no Campo de Ourique, onde há muito mais do que peixe cru

 

Esqueça os peixes crus (fresquíssimos, diga-se de passagem) como estrelas do menu desta taberna japonesa no Campo de Ourique. No Hikidashi há niguiris exóticos, caso do Wagyu & Foie Gras Nigiri, há toro grelhado com espinafres e molho de sésamo, vieiras (ainda vivas), beringela assada com molho somiso e sésamo e outros grelhados em carvão aromatizado, a exemplo do piano, do T-bone e da codorniz.

Da robata, a grelha japonesa que fica no fundo do restaurante, também saem as espetadas de peixe, de carne e de vegetais para quem não é fã de sushi e sashimi.

Só há lugar para 22 pessoas sentadas ao balcão, que não é mais do que um belíssimo bloco de madeira rústica, único, retirado de um tronco de uma árvore africana com mais de 40 anos. É atrás desse balcão onde brilha o sushiman Abner Gomes e sua equipa; ele é responsável pelas criações que levam só “o melhor do dia”: matérias-primas de qualidade e produtos premium que distinguem a casa de outros restaurantes japoneses do género.

Agnaldo Ferreira é um dos nomes à frente do projeto, que outrora já comandou os japoneses mais famosos do Brasil, dentre o quais o ‘Daigo’, o ‘Jam’ e o ‘Japengo’; em Portugal,  esteve associado ao restaurateur Olivier, aquando da sua passagem pelo Yakuza, e também já pelo extinto Estado Líquido.

Criado com o objetivo de ser muito mais do que um simples restaurante japonês, o Hikidashi opera no conceito ‘izakaya’, que em japonês é o nome que se dá a um bar que abre para petiscos afterwork e onde o sake é ‘rei’: há uma imensa variedade da bebida para venda, de marcas japonesas famosas, além de cervejas, vinhos e cocktails.

Requinte é a palavra de ordem no ambiente e nos pratos apresentados. A clientela, bastante exigente e formada em sua grande parte por clientes aos quais Agnaldo trata pelo nome, também é composta por celebridades nacionais e internacionais, além de futebolistas importantes.

Todo o sushi é preparado com facas artesanais japonesas porque, segundo o chef, “têm mais precisão no corte”. É utilizada a técnica do ikejime – que é considerada a que menos sofrimento implica para o peixe.

Independente do significado do seu nome, o facto é que o Hikidashi é um restaurante pequenino, onde a ementa não se limita ao sushi e onde a sua culinária, mais purista e criativa, surpreende pelo simples sabor e frescor dos alimentos.

Um must go onde as reservas são obrigatórias, haja vista as imensas filas na porta.

Hikidashi Taberna Japonesa
Rua Coelho da Rocha, 20 A | Campo de Ourique | Lisboa
Telefone: 21 395 5555
Horário: Terça a domingo. 12h30 às 15h00; 20h00 às 00h00
Preço médio: 30 € por pessoa

No Comments

Post A Comment